logo_whatsap_transp_red_01.png
Buscar

Hardware de entrada: quando fazer a manutenção?

Estar com o conjunto de hardware de entrada em dia é fundamental para as operações de qualquer empresa, independente do ramo de produção da mesma, sabe por que?

Imagine que você está criando um documento sobre as pautas de uma reunião importante da empresa. De repente, você percebe que o teclado deixa de funcionar e a sua reunião começa em 5 minutos! O que você faz?

É por motivos como esse que é imprescindível fazer a manutenção preventiva dos hardwares de entrada. Essas peças exigem tanto zelo quando as peças internas do computador e, por isso, é necessário ficar atento à elas.

No artigo abaixo, selecionamos as principais informações sobre os hardwares de entrada, o que são e como fazer a manutenção desses itens para que você não tenha nenhum contratempo em sua empresa. Acompanhe!

O que é hardware de entrada?

Hardwares de entrada são aparelhos que conectamos no computador via cabo ou wireless. Com eles, as máquinas podem entender quais são os comandos dos usuários. Por exemplo, você clica no mouse, o notebook faz a leitura rapidamente e o clique é confirmado na tela.

Existem diversos dispositivos de entrada importantes na produção de diferentes negócios. O que seria de uma empresa de digitalização sem o scanner que trabalha com total efetividade? Ou então, como os contadores registrariam os dados em uma planilha sem um teclado com todas as teclas em pleno funcionamento?

Para que você compreenda de forma mais efetiva, abaixo indicamos alguns exemplos desses dispositivos.

Exemplos de hardwares de entrada:

  1. Telas touchscreen

  2. Scanner

  3. Microfone

  4. Mouse

  5. Teclado

No entanto, para empresas que possuem muitos computadores ativos é difícil repor os dispositivos de entrada de uma vez, por isso, vale a pena investir na manutenção preventiva e corretiva dessas peças.

Manutenção preventiva

A manutenção preventiva, como o próprio nome já diz, é a manutenção que acontece a fim de prevenir problemas ou contratempos futuros. Selecionamos abaixo os principais problemas nos hardwares de entrada e as maneiras de preveni-los.

Poeira

Quem conhece sobre informática sabe que este é um dos problemas capazes de comprometer o funcionamento dos dispositivos e é bastante comum. Dessa forma, procure passar um pano seco e macio nos aparelhos, seja antes ou depois de iniciar seu expediente.

Tenha em mente de que a sujeira acumulada pode acessar a parte interna e por consequência tornar inútil o hardware de entrada. Para lugares mais estreitos, como os teclados, você pode usar hastes flexíveis para limpar os pequenos espaços e manter a limpeza em dia.

Cabos com mau contato

Embora a tecnologia wireless avança cada vez mais nos escritórios, muitas empresas ainda possuem aparelhos conectados no computador com cabos. É aconselhável verificar cada cabo, no intuito de observar se estão funcionando de maneira correta ou se estão com problemas  para enviar sinais.

Manutenção corretiva

Quando o dispositivo não funciona é preciso levá-lo para a manutenção corretiva, para que sejam restauradas todas suas funcionalidades. Não é necessário, no entanto, esperar que os hardwares não funcionem mais para mandá-los ao conserto. 

Existem diversos sinais que indicam quando uma manutenção para correção é necessária, como o mau funcionamento do teclado, a lentidão do mouse, a tela touchscreen que corresponde lentamente aos comandos, entre outros.

Quando você se der conta que alguns dos seus hardwares de entrada estão dando esses sinais, está na hora da manutenção corretiva!

A grande questão é que muitas vezes não é preciso gastar, há chances de recuperar a peça. Um microfone que resolve parar de funcionar, por exemplo, pode ser arrumado com reparos no cabo ou nas partes internas de maneira rápida, simples e de baixo custo.

É importante, inclusive, evitar continuar com o uso de um hardware de entrada que está com alguns sinais de problemas, porque a utilização contínua pode acabar de estragar o produto que se torna inviável até para a manutenção corretiva.

Como fazer a manutenção de hardwares de entrada?

Fazer a manutenção preventiva do hardware de entrada é fundamental para que você não tenha problemas futuros com o seu computador.


Você já deve ter percebido que a manutenção preventiva pode ser realizada pela própria equipe de sua empresa.

É possível treinar o pessoal da limpeza para limpar os dispositivos, sendo que colaboradores operacionais devem fazer a verificação dos cabos durante a execução dos serviços, alertando aos superiores sobre os problemas decorrentes que podem inviabilizar o uso futuro dos dispositivos.

Já a manutenção corretiva deve ser executada por profissionais especialistas em informática, eletrônica ou outras áreas de nível técnico ou superior. Isto porque para arrumar um simples fio ou uma peça na parte interna é necessário abrir o dispositivo e realizar procedimentos específicos.

Cuidados com hardware de entrada

Abaixo, selecionamos alguns cuidados importantes que você deve ter com seus dispositivos durante a manutenção preventiva ou corretiva.

Desligue o computador antes dos reparos

Seja para realizar manutenção corretiva ou preventiva é indicado desligar o computador ou desconectar os dispositivos antes, uma medida necessária para evitar choques elétricos.

Encaminhe para centros de reciclagem

Percebeu que o hardware não tem mais jeito de ser reparado e deve ser jogado no lixo? Ao invés de eliminar os aparelhos em qualquer lixeira é melhor encaminhá-los para centros especializados de reciclagem.

Sempre observe

É importante observar os seus aparelhos e dispositivos, para que você consiga fazer as manutenções necessárias antes que seja tarde demais. Por isso, não deixe para lá caso você perceba que algo está errado com as peças do computador de sua empresa.

Agora, então, é hora de colocar as mãos na massa para garantir que todos os dispositivos funcionem no sentido de garantir o êxito das operações de sua empresa!

Gostou do artigo? Leia também sobre os principais componentes dos computadores para as empresas!

Procura computador, notebook ou servidor para sua empresa?

A Microexato tem computadores, servidores notebooks empresariais usados Dell, HP e IBM. Acesse nosso e-commerce destinado ao público corporativo, com milhares de opções em estoque:


A Microexato é o maior fornecedor brasileiro de equipamentos usados de informática com Garantia de 1 ano para o segmento corporativo. Todos os produtos anunciados são rigorosamente testados e estão em pleno funcionamento. Estoques permanentes de 10.000 equipamentos com pronta entrega.

5 visualizações

Informações

Artigos

2020 © Copyright | Todos Direitos reservados Microexato | CNPJ: 03.697.421/0001-01

CONTATE:

2a a 6a das 08h30 às 17h30

Whats

Telefone

E-mail