logo_whatsap_transp_red_01.png
Buscar

Servidores: conheça as características ideais para cada tipo de empresa

Se você está buscando servidores para empresa, este artigo pode ser um grande aliado. Já que este é um produto com diferentes especificações, é necessário fazer uma compra consciente e com garantia.

Por isso e para te ajudar preparamos 5 dicas na hora de comprar um servidor. Veja abaixo:

1 – O primeiro passo é entender o que são servidores e para o que servem:

O servidor é um tipo de computador desenvolvido para desempenhar um processamento superior ao dos computadores comuns. De forma geral, os servidores têm a finalidade de prestar serviços para outros computadores através de uma conexão de rede.

2 – Servidores torre:

O servidor de torre se destaca por seu tamanho, é um dos menores tipos de servidores oferecidos no mercado. Além disso, seu modelo de operação não depende do hardware, já que sozinho possui os elementos completos e fundamentais para responder as demandas dos outros computadores da empresa.

Normalmente os servidores têm a necessidade de se manter conectados, só assim conseguem atingir todo seu potencial, já o servidor de torre possui uma peça de rede interna para permitir conexões de rede. Assim, os softwares são executados, processados e arquivados em discos rígidos, do mesmo modo que acontece com um computador.

3 – Servidores Rack:

São normalmente usados por pequenas empresas que precisam aumentar seus serviços. Entre as suas vantagens está a possibilidade de montar muitos servidores, o que pode otimizar o espaço quando comparado ao servidor de Torre, por exemplo, o Rack tem uma maior capacidade de armazenamento interno.

4 – Servidores Blade:

Estes servidores são desenvolvidos individualmente e pensados para caber em móveis projetados, assim como outros modelos de servidores, porém a diferença, no entanto, é que o Blade pode ser alocado em um espaço menor devido ao seu design.

Por ser menor, é a opção mais escolhida quando o assunto é economizar espaço, seja com servidores, ou qualquer equipamento de informática.

5 – Componentes de Hardware:

Além dos tipos de servidores, os componentes do hardware também têm parte importante nesta escolha. Vamos te explicar:

  1. Placa-mãe:esse hardware é conhecido até pelos mais leigos, sendo a principal placa de circuitos internos de uma máquina. Ela deve se adequar aos outros elementos do computador.

  2. Memória RAM:é uma espécie de memória temporária que facilita o acesso aos arquivos. Dessa forma, quanto maior a memória RAM do servidor, maior a capacidade de operações que poderão ser efetuadas ao mesmo tempo.

  3. Controlador de rede: Sua função é de controle na entrada e tráfego de usuários da empresa no servidor.

  4. Fonte de alimentação: os servidores possuem necessidades de alimentação de energia diferentes da de um computador Reveja sua estrutura interna, já que a demanda e o consumo de energia é bem maior.

As vantagens de comprar um servidor usado

O mercado de computador usado cresceu muito nos últimos anos, isso devido ao aumento da busca. E, também, do melhor custo benefício.

Esta escolha é muito atrativa para as empresas iniciantes, já que um computador usado trará benefícios por ser um produto mais em conta, e que ainda opera como um equipamento novo.

Se você possui uma pequena empresa e está usando mais de um computador, talvez esteja na hora de investir em um servidor usado. Um servidor manterá seus dados seguros e organizados e ajudará você a dirigir seus negócios de maneira mais eficiente e profissional.

Ao armazenar e organizar os dados em um local central, você poderá acessar e compartilhar arquivos facilmente e gerenciar informações de negócios com mais eficiência. Um servidor irá permitir que seus funcionários compartilhem ferramentas de software. E, ainda, que acessem os bancos de dados da empresa em qualquer lugar.

Caso você tenha uma empresa de grande porte, deve analisar para qual objetivo o seu servidor será usado. Talvez seja uma opção fazer uso do armazenamento em rede (NAS). As caixas NAS são pequenos servidores de arquivos com menos recursos. Porém, um servidor de arquivos pode suportar muitos discos rígidos a mais do que nas caixas NAS.

Workstation ou Servidor? Qual a melhor opção?

Primeiramente é importante saber o destino e funcionalidade para o qual você vai utilizar o equipamento.

WORKSTATIONS:

Se você tiver um negócio com um objetivo específico pode investir em workstation. Ou, como é mais conhecido: estação de trabalho. Este é um computador com capacidade de processamento superior aos convencionais.

Não se trata simplesmente de um computador CPU potente, pois são feitos para atender a uma finalidade específica. Em termos de hardware, a principal característica da workstation é sua construção modular. Ou seja, formato que permite configurar independentemente as partes do computador.

SERVIDORES:

Se você tem uma empresa com mais de um funcionário e gerencia diversas contas de e-mail e provedores, contar com um servidor centralizado é a melhor opção. Já que, assim, será possível uni-las em uma única conta gerenciada pela empresa.

Um plus que facilita a organização das contas, além de profissionalizar seus processos internos.

Ter seu próprio servidor é sinônimo de segurança. Veja bem, com a ajuda do servidor é possível criar diferentes usuários para diferentes informações. Assim, a contabilidade não precisa saber o que o RH está fazendo. Evite vazamento de informação.

Outro benefício é que todas as informações são arquivadas em um mesmo local. Dessa forma colabora com o acesso e também facilita a realização de backups com maior segurança.

Já que traz inúmeras facilidades para sua empresa e ainda mais segurança para os seus arquivos e dados, os servidores são itens indispensáveis em qualquer empresa. E é de grande importância que tenha uma organização de dados, quando se trabalha com documentos digitais e arquivos de segurança para a empresa e seus clientes.

Mantendo os dados contidos em apenas um servidor, as informações da sua empresa poderão ser gerenciadas de uma forma mais segura. Você poderá monitorar tudo o que acontece na rede, além de gerenciar o desempenho de seus colaboradores. Mas, se ainda tem dúvida sobre o tema, leia mais sobre no eBook “Conheça os principais testes feitos em computadores antes da revenda’’.

34 visualizações

Informações

Marcas

Artigos

2020 © Copyright | Todos Direitos reservados Microexato | CNPJ: 03.697.421/0001-01